quarta-feira, 20 de abril de 2011

Literatura: Resumão dos Períodos Literários

Por mais que eu seja contrário a essa divisão periódica, devo concordar que, para fins puramente didáticos, ela é funcional. Abaixo, temos os principais períodos literários da literatura ocidental. Cada período contém um rápido "contexto histórico", três carcaterísticas básicas e uma obra do período escolhida por mim, seguida do motivo da escolha.

NOTA: em breve, atualizarei a lista, acrescentando mais algumas obras (como no barroco, por exemplo).


Antiguidade Clássica
Contexto Histórico: séculos VI e IV a.C, ápice da civilização grega.
Características: Antropocentrismo, Equilíbrio e Mitologia
Obra: Édipo Rei, de Sófocles
Motivo: influência na cultura ocidental, principalmente na psicanálise e na dramaturgia.
Resumo: Édipo é abandonado por seu pai após esse ouvir uma profecia de que seu filho o mataria. Anos depois, Édipo volta à Tebas e, sem saber, acaba assassinando o pai e casando-se com a própria mãe. Desesperado, fura seus próprios olhos e foge para Colono.
Idade Média
Contexto Histórico: organização social em feudos, após as invasões bárbaras. Igreja Católica comanda o mundo, ao lado da nobreza. Também conhecida como Idade das Trevas.
Características: Teocentrismo, canções de gesta, trovadorismo.
Obra: Bewoulf, poema épico anglo-saxão.
Motivo: continuidade do gênero épico: herói, honra, bravura.
Resumo: conta a história de Bewoulf, um herói viking, que livra um pequeno feudo de dois monstros temíveis. Após esse evento, é coroado rei e acaba lutando contra um dragão, morrendo durante a luta.

Renascimento / Literatura de Informação 1500 – 1601
Contexto Histórico: grandes navegações, reforma protestante, desenvolvimento da ciência.
Características: Antropocentrismo, Racionalismo e Mitologia.
Obra: Os Lusíadas, de Luís de Camões.
Motivo: obra-prima da Língua Portuguesa, contribuições para a própria Língua (comparação com Shakespeare).
Resumo: narra a história de Vasco da Gama e sua viagem até as Índias, acrescentando elementos mitológicos (deuses gregos brigam entre si se auxiliam ou barram o avanço dos lusitanos).

Barroco 1602 – 1768
Contexto Histórico: Contra-reforma, domínio espanhol sob Portugal.
Características: Teocentrismo, Conceptismo e Cultismo

Arcadismo 1769 – 1835
Contexto Histórico: Iluminismo, Inconfidência Mineira.
Características: Mitologia, Máximas latinas, bucolismo.

Romantismo 1836 – 1881
Contexto Histórico: Revolução Francesa, oposição ao absolutismo, Independência do Brasil, Guerra do Paraguai.
Características: sentimentalismo, exotismo e nacionalismo.
Obra: Noite na Taverna, de Álvares de Azevedo.
Motivo: genialidade do autor (escreveu nos três gêneros literários), Literatura Brasileira de nível Universal.
Resumo: Cinco jovens contam eventos de sua vida. Todos eles apresentam elementos macabros em torno de três elementos: amor, morte e bebida.
Realismo/Naturalismo 1882 – 1901
Contexto Histórico: Positivismo, Darwinismo, Determinismo.
Características: Gosto pelos detalhes, Materialismo do amor, Determinismo e relação entre causa e efeito.
Obra: Germinal, de Emile Zola.
Motivo: aprofundamento do tema, pesquisa de campo, retratação do contexto histórico.

Pré-Modernismo 1902 – 1922
Contexto Histórico: 1ª Guerra Mundial, Desenvolvimento Científico e Tecnológico acelerado, revoltas populares pelo Brasil.
Características: Interesse pela realidade brasileira, Diminuição da distância entre realidade e ficção, Personagens marginalizados (sertanejo, nordestino, caipira).
Obra: Os Sertões, de Euclides da Cunha.
Motivo: ficção e realidade andam lado a lado, nova visão de jornalismo.

Modernismo 1922 – 1929
Contexto Histórico: período entre guerras.
Características: Nacionalismo “antropofágico”, paródias, polêmico.

Romance de 30 1930 – 1945
Contexto Histórico: 2ª Guerra Mundial, Revolução de 30.
Características: regionalismo, verossimilhança e retrato social do país.
Obra: O Tempo e o Vento, de Erico Verissimo.
Motivo: resumo da história do Rio Grande do Sul, perfeccionismo do autor.

Tendências Contemporâneas 1946 em diante
Contexto Histórico: Anos de Chumbo, nova ordem mundial, Brasil totalmente urbano.
Características: inovações...
Obra: Contos, de Rubem Fonseca.
Motivo: análise crua da violência urbana no Brasil, suposta luta contra a ditadura.

4 comentários: